Minas Acontece - Minas Acontece vai até a Câmara Municipal pedir esclarecimentos sobre gastos com lanches e estacionamento
Minas Acontece - O que acontece em Minas você fica sabendo primeiro aqui! Notícias: Alfenas - Guaxupé - Machado - Pouso Alegre
Minas Acontece Home    Fale Conosco  

Galeria de Fotos   |   Vídeos  

PÁGINA PRINCIPAL  |  ALFENAS  |  ALTEROSA  |  AREADO  |  CAMPOS GERAIS  |  GUAXUPÉ  |  JURUAIA  |  MACHADO  |  PARAGUAÇU  |  
POÇOS DE CALDAS  |  POUSO ALEGRE  |  SERRANIA  |  VARGINHA
Polícia       Política       Geral       Economia       Esporte       Cultura       Eventos       Guia Comercial      Contato Buscar:


Minas Acontece vai até a Câmara Municipal pedir esclarecimentos sobre gastos com lanches e estacionamento
30/8/2018
compartilhe:

Vereadores se justificaram com relação aos gastos.

height=250
O Minas Acontece foi até a Câmara Municipal de Poços de Caldas pedir esclarecimentos aos vereadores a respeito dos gastos da câmara com lanches e estacionamento, que foi denunciado por um jornal da cidade e chamou a atenção dos moradores de Poços de Caldas.

De acordo com a denúncia, o consumo dos vereadores somente de estacionamento privativo no ano passado chegou a R$26.000,00. Já com relação aos lanches, o que consta no portal da transparência é o consumo de 600kg de pão francês, 70kg de pão de queijo, 25kg de croissant, 30 metros de sanduíches de peito de peru, 28mil salgados diversos, 60kg de bolos, 25kg de rocambole, além de outros petiscos.Todos esses gastos podem ser acessados por qualquer pessoa no portal da transparência.

height=210

A serem questionados, os vereadores deram suas justificativas e ressaltaram que a câmara municipal de Poços de Caldas faz economias todos os anos para conseguirem devolver grande parte da verba recebida para os cofres públicos. Eles ainda se comprometeram Ainda a averiguar os gastos. Um dos vereadores não quis falar com a nossa reportagem.

Já o Presidente da Câmara informou que os gastos com estacionamento e lanche não são exorbitantes, já que os vereadores precisam de um local seguro para guardar os seus veículos particulares e que apesar do processo licitatório não especificar, os lanches servidos são modestos. O Presidente ainda ressaltou que a Câmara vem economizando ao longo dos anos e que no ano passado foram devolvidos 8 milhões de reais aos cofres públicos.

Apesar dos esclarecimentos, a reportagem do Minas Acontece se comprometeu a ficar atenta aos gastos públicos exagerados na cidade de Poços de Caldas e também em outras cidades do Sul de Minas. Mesmo para uma câmara que economiza dinheiro em outros setores, todos esses gastos com estacionamento e lanches são desmedidos e é obrigação da câmara e dos vereadores economizarem o dinheiro público e não fazerem gastos exorbitantes.

Veja o vídeo:



Da Redação.


compartilhe:











New Page 8

 
Notícias >  Cultura  |  Esportes  |  Economia  |  Geral  |  Polícia  |  Política

Classificados >  Geral  |  Imóveis  |  Veículos

Home       Fale Conosco  

Fone:35 8705-5331
Todos direitos reservados.