Minas Acontece - Após desistência de cervejaria espanhola, empresa de PE deve se mudar para Poços de Caldas, MG
Minas Acontece - O que acontece em Minas você fica sabendo primeiro aqui! Notícias: Alfenas - Guaxupé - Machado - Pouso Alegre
Minas Acontece Home    Fale Conosco  

Galeria de Fotos   |   Vídeos  

PÁGINA PRINCIPAL  |  ALFENAS  |  ALTEROSA  |  AREADO  |  CAMPOS GERAIS  |  GUAXUPÉ  |  JURUAIA  |  MACHADO  |  PARAGUAÇU  |  
POÇOS DE CALDAS  |  POUSO ALEGRE  |  SERRANIA  |  VARGINHA
Polícia       Política       Geral       Economia       Esporte       Cultura       Eventos       Guia Comercial      Contato Buscar:


Após desistência de cervejaria espanhola, empresa de PE deve se mudar para Poços de Caldas, MG
11/9/2018
compartilhe:

 

Fabricante de cabos e fios elétricos tem sede em Caruaru e deve investir cerca de R$ 100 milhões na mudança.

height=277

Menos de uma semana depois de confirmar que a cervejaria espanhola Estrella Galicia havia desistido do projeto de se instalar em Poços de Caldas (MG), a Prefeitura Municipal anunciou o acordo com a empresa Alnor, que deve se mudar de Pernambuco e assumir o terreno no Parque Industrial. O comunicado foi feito nesta segunda-feira (10).

A Alnor, fabricante de cabos e fios elétricos, tem sede em Caruaru (PE), mas agora será transferida para Poços de Caldas. A empresa pertence ao grupo Lamesa, que é de São João da Boa Vista, no interior de São Paulo, e fica a cerca de 50 km da cidade mineira.

”O desenvolvimento nosso, digamos, ele deve constar duma empresa que nós já vamos trazer, que está 100% paga. Não devemos nada. E o nosso investimento não é pequeno, é bastante grande e chega próximo aos R$ 100 milhões”, afirmou Flávio Augusto do Canto, presidente do grupo Lamesa.

A expectativa é que a empresa, que será instalada em uma área de 120 mil metros quadrados, gere 40 empregos diretos já no início da operação, previsto para daqui dois anos.

“Hoje a previsão de impostos gera por volta de R$ 16 milhões anuais. E isto representaria R$ 4 milhões para Poços de Caldas. Isso é extremamente significativo, pois significaria um incremento no nosso ICMS de 6%”, afirma o prefeito Sérgio Azevedo.

Fonte: https://g1.globo.com/mg/sul-de-minas/noticia/2018/09/10/apos-desistencia-de-cervejaria-espanhola-empresa-de-pe-deve-se-mudar-para-pocos-de-caldas-mg.ghtml



compartilhe:











New Page 8

 
Notícias >  Cultura  |  Esportes  |  Economia  |  Geral  |  Polícia  |  Política

Classificados >  Geral  |  Imóveis  |  Veículos

Home       Fale Conosco  

Fone:35 8705-5331
Todos direitos reservados.