Machado

Policiais Penais conseguem evitar a entrada de celulares no presídio da cidade de Machado

Um detento ainda tentou pegar o objeto arremessado.

3 de agosto de 2022

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram

Um dos presídios que tem sido destaque na região, evitando rigorosamente a entrada de celulares e drogas é o da cidade de Machado, no Sul de Minas.

Mesmo com a superlotação de presos, os policiais penais continuam fazendo o seu papel com competência e rigor. Foi o que aconteceu durante mais um plantão na noite do último domingo (31/07).

Policiais Penais faziam a guarda do presídio, foi quando uma policial que estava atenta em seu posto percebeu a aproximação de um indivíduo no muro externo, repassou pelo rádio a informação para o colega que estava na guarita, o policial flagrou quando o indivíduo arremessou algo para dentro do presídio, um detento que estava na cela de triagem tentou alcançar o pacote, porém não conseguiu. Outros policiais entraram no presídio, pegaram o objeto, o detento da cela de triagem passou por revista pessoal, mas nada foi encontrado com ele.

O pacote era uma esponja com fita isolante, dentro havia dois celulares pequenos, um smartphone, um chip, carregador e um par de fones de ouvido. Os dois celulares pequenos geralmente são aparelhos importados da China, utilizado somente para ligações, é muito comum encontrar desses modelos em presídios de todo o país, porque muitos detentos introduzem no ânus para tentar ludibriar os policiais penais durante uma revista pessoal.

Todo o material foi apreendido e entregue na delegacia da Polícia Civil (PCMG). O rapaz que jogou o material dentro do presídio por enquanto não foi encontrado, mas a policia já tem pistas de quem seja.

Da Redação