Alfenas

Prefeito de Alfenas tira sarro da Assembleia dos servidores públicos

O ato aconteceu durante uma entrevista na rádio Pinheirinho.

9 de fevereiro de 2022

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no telegram
Durante a manhã deste domingo (5), o Prefeito Luizinho (PT), tirou sarro da cara dos Servidores Públicos Municipais, em uma entrevista na rádio Pinheirinho, em Alfenas, no Sul de Minas.
O Sindicato está exigindo aumento de salário para os servidores, algo que não acontece a muito tempo. Na semana passada foi realizada uma Assembléia geral dos servidores, para discutirem a aprovação ou não da proposta enviada pelo prefeito, mas na reunião que teve mais de 400 servidores, a proposta foi rejeitada.
O prefeito totalmente descontrolado acabou tirando sarro da Assembléia realizada pelo servidores.
“O sindicato vai querer fazer um Assembléia, eu já fiz mais de dez greves, conheço greve. A Assembléia, quando você chega lá, um começa a bater palma e todo mundo começa a bater palma. Bota fogo, a Assembléia é para botar fogo”.
Ele ainda disse que os “Bolsonarista doente começam a chinga ele na Assembléia”, terminou o prefeito em tom de deboche.
Como forma de protesto, os professores resolveram ficar calados durante esta segunda-feira (7). A ameaça de greve continua, pois os servidores rejeitaram a proposta do prefeito, e agora está ainda mais inflamada, pois essa fala dele gerou revolta.

Em contato com o Prefeito, Luiz Antonio da Silva, ele afirma que sua fala valoriza o Sindicato como representante legal da categoria, e que, a negociação se faz em mesa democrática, com longo tempo de debate e estudos. No calor das emoções não se resolve nada na vida. É preciso prudência e parcimônia, quando se trata de saúde financeira de um município que cuida de 80 mil vidas.

Da Redação.